Desde o início do campeonato, tanto para FCP como para SCP, vale tudo para que o Benfica não seja pentacampeão. Se houve uma altura em que ambos devem ter pensado que a sua missão chegaria facilmente ao fim bem sucedida, hoje o receio de que tal não aconteça é cada vez maior e por isso todos os trunfos estão a ser jogados para a mesa.

Há muitas coisas que acontecem “nos bastidores” do futebol e nós apenas vamos sabendo de muito poucas, comparando com as que de facto existem. Desde há várias semanas que a deslocação do Benfica a Sta Mª da Feira vem sendo preparada com todo o detalhe por elementos afetos a uma claque de um clube do norte.

Com a participação de alguns elementos ligados ao Feirense, elementos dessa claque conseguiram inclusivamente arranjar bilhetes para o jogo que opõe o Feirense ao Benfica, ficando o Benfica apenas com um número muito limitado de bilhetes para aquilo que é usual.

Nada ilegal, mas que simplesmente não tem nada a ver com aquilo que é o desporto e que o futebol tão bem deveria ilustrar. Claro que já estamos habituados e infelizmente todos parecem ter telhados de vidro e em alguma altura acabam por ter atos que não deveriam ter lugar neste mundo que se quer de valores e princípios.

Se alguém acha que o jogo mais difícil que o Benfica terá será o jogo contra o FCP ou contra o SCP, que se desengane. É mesmo o jogo de sábado. Não só pelas situações que se estão a passar e que provavelmente impedirão os jogadores de conseguir ter uma noite descansada, mas também pelas condições atmosféricas que colocam o relvado do Estádio Marcolino de Castro num estado muito próximo do impraticável.

relvadoFeira

Mais do que nunca o Benfica vai ter que antecipar todos os cenários possíveis e precaver-se para todos eles, sendo que a conquista dos 3 pontos na Feira é imperativa para a conquista do pentacampeonato. Vai ter que haver razão e coração desde o apito inicial até ao final. Vai ter que haver raça, querer e ambição. Vai ter que haver muito apoio de quem lá estiver. Vai ter que haver Sport Lisboa e Benfica.